sexta-feira, 31 de maio de 2013

Contextos e mais contextos...

Escolhas e mais escolhas, eu quero estar com você, mas as circunstâncias dizem outras coisas, eu sempre vou querer os seus sorrisos e o seu carinho, mas eu preciso do meu cantinho, do meu porto seguro, do meu aconchego, dos meus sonhos, não quero uma vida só de promessas, mas de consequências, tive a liberdade de ir em busca de novos horizontes, mas hoje esses horizontes parecem apagados, e a vontade de partir está sempre aqui, esses contextos são sinais de uma nova vida adquirida, mas não completa, é o querer e o não querer, mas o ter que ficar.

quarta-feira, 29 de maio de 2013

Coldplay- Yellow


Olhe para as estrelas, olhe como elas brilham para você, e para tudo o que você faz, sim, elas eram todas amarelas, eu vim, eu escrevi uma canção para você, e todas as coisas que você faz, e foi chamada de "amarela", então eu esperei minha vez. Oh que coisa para se fazer, e era tudo amarelo.  Sua pele, Oh sim, sua pele e ossos, transformaram-se em algo bonito. Você sabe? você sabe que eu te amo tanto, você sabe que eu te amo tanto..

terça-feira, 28 de maio de 2013

Mundo nebuloso!

O que era doce começa a ficar amargo e o sentimento de tristeza começa a renascer, é como se um punhal estivesse sendo fincado na alma, e a dor é só a consequência. Os dias passam a ser frios e sem sentido assim como as noites, e então novamente as sensações são iguais as de antes, é como se eu estivesse em um lugar que não me pertence, a angústia toma conta, os sonhos se tornam apenas sonhos, minhas palavras se tornam apenas palavras, assim como os sorrisos e o amor,  e a coragem não consegue mais criar raízes. Tudo hoje parece nebuloso e longe demais, assim como eu mesmo de mim mesmo.

terça-feira, 21 de maio de 2013

Aos poucos tudo vai perdendo-se...

Sinto saudade de sonhar, meus pensamentos não conseguem mais alinhar-se, as dores vão corroendo as alegrias, e assim os sonhos não conseguem mais nascer e tudo transforma-se em vazio, é como se eu quisesse milhões de coisas e ao mesmo tempo não quisesse, é como se eu tivesse liberdade, mas estivesse presa. Sonhar era uma das leis da minha vida, porém hoje já não é mais, as circunstâncias me tornam vazia. Eis a questão querer ou não querer, sentir ou não sentir, ficar ou partir.

quinta-feira, 16 de maio de 2013

Saudade de um mundo meu!

                                   
De repente me bateu uma saudade, saudade do que não vivi, saudade do que não sonhei, saudade do que deixei, e também aquela saudade dos momentos bons que vivi, saudade do aconchego, da tranquilidade, do carinho de mãe, saudade e mais saudades de uma vida que deixei, queria como se em um passe de mágica tudo voltasse para o seu lugar, mas a vida é feita de escolhas, e tais escolhas as vezes não são fáceis de mudar ou talvez não se possam mudar, então me resta essa saudade e a lembrança de um mundo de amores e dores.

segunda-feira, 13 de maio de 2013

Aniversário de 2 anos do Blog!

Hoje venho agradecer a todos vocês meus queridos por estarem junto comigo nesses dois anos de blog, obrigada por todo carinho, vocês fazem parte da minha vida, pois com vocês aprendo várias maneiras de ver a vida e seus detalhes, amo este lugar, amo escrever, amo compartilhar sentimentos, vontades, histórias e estórias, espero que continuem nessa jornada comigo, e que possamos juntos mostrar ao mundo maneiras novas de ver a vida e viver, que venham muitos aniversários pela frente, obrigada à todos pelos dias doces que propõem .

quinta-feira, 9 de maio de 2013

Lute, Renove-se, Viva!

Houve um momento, um tempo, em que tudo parou em minha mente, era como se eu não vivesse e sim apenas existisse, meus passos não eram mais firmes, apenas caminha por caminhar, assim como vivia por viver, não buscava sonhos, nem alegrias, vivia um mundo meu, trancado a sete chaves, cheio de angústias, medos e solidão, nesse meu mundo não deixava um sorriso nascer, só as lagrimas podiam existir, e aos poucos ia me afundando cada vez mais nesse mundo, até que um dia resolvi me apegar e me acolher em Deus, os dias foram passando, foram muito difíceis, pois a solidão era ainda o que prevalecia, mas dessa vez eu estava lutando e querendo sair dali, então aos poucos fui mudando minha rotina, e deixando as coisas boas acontecerem, e quando vi os sorrisos já eram uma nova rotina, assim como os sonhos e as alegrias, e então tudo aquilo que doía dentro de mim foi tomando uma proporção tão pequena, que acabou por desaparecer, e o que me fez conseguir  escapar desse mundo frio foi a fé e o amor.

segunda-feira, 6 de maio de 2013

Just the Way You Are - Bruno Mars (Piano/Cello Cover) - ThePianoGuys


Meus dedos parecem flutuar, a melodia vai transformando-se e o que era triste torna-se alegre, é como se a magia tomasse conta desse momento, e a cada novo toque um sentimento que acalma meu coração, parece que estou percorrendo as nuvens e me deliciando com o momento de paz. (Texto: Mayara Cruz)

sábado, 4 de maio de 2013

Acredite, podemos transformar nossos dias!

Sinto como se houvesse um punhal em meu coração, é tanta dor que acho que não vai passar, é tanta tristeza que os olhos já não aguentam mais chorar, é tão ruim sentir-se em um mundo que parece não ser seu, é estranho querer tudo de volta, até o tempo, é estranha a sensação de querer e não poder ou não conseguir, me falta coragem para seguir nessa jornada. Há momentos em que queria largar tudo e começar uma vida diferente, longe de tudo e todos da minha realidade, para assim talvez esquecer esses sentimentos ruins, e conseguir dominar o meu mundo de volta.
O que fazer para tirar essa dor do meu coração?
O que fazer para aliviar meus medos, e conseguir seguir nessa minha jornada?
Os pensamentos parecem se perder em meio a dor, é complicado construir amor onde o medo é soberano, é difícil lidar com os sentimentos quando não há nenhum de esperança, mas ainda restam soluções, primeiro passo é acreditar que essa agonia vai passar, segundo passo tentar fazer com que ela passe, e enfim terceiro passo, ter esperança, Deus está conosco em todos os momentos, então seguir não parece mais tão difícil.